Alerta! Estas plantas podem intoxicar o seu filho.



Muitas das plantas ornamentais presentes nos jardins possuem substâncias altamente tóxicas. Crianças e animais de estimação apresentam comportamento de maior risco para intoxicações por estas plantas e necessitam de atenção especial na prevenção de acidentes.


Alguns dos principais sintomas de intoxicação são: dor em queimação e edema nos lábios, boca e língua, salivação excessiva, náuseas, vômitos, dor abdominal, diarreia (sanguinolenta em alguns casos), hipertermia, taquicardia, arritmia, alucinações e confusão mental, distúrbios cardíacos, visuais, hepatotóxicos e respiratórios. Em alguns casos pode ocorrer coma ou até mesmo óbito.



Medidas de prevenção:

  • Conheça as plantas de sua casa pelos nomes e evite espécies tóxicas.

  • Ensine as crianças a não colocar plantas na boca e nem utilizá-las em brincadeiras.

  • Jamais ingira raízes, folhas ou frutos de plantas desconhecidas.


Primeiros socorros:

  • Em caso de acidente, procure imediatamente atendimento médico.

  • Leve a planta ou parte dela para identificação.



O Centro de Informações Toxológicas do Rio Grande do Sul (CIT/RS) disponibiliza o telefone 0800 721 3000 para prestar informações específicas à comunidade leiga em relação à prevenção, primeiros socorros e medidas ou manobras que possam minimizar o efeito de qualquer exposição a um agente tóxico, até o atendimento de um profissional de saúde.



80 visualizações